Comecei a me sentir incoerente... então senti necessidade de por tudo o que estava dentro pra fora, pra olhar de longe e tentar entender como funciona...

terça-feira, 2 de novembro de 2010

...

e eu que nunca fui de dar mãos... quisera hoje dedos longos de alcançá-lo.
eu que nunca suportei horas demais no mesmo abraço conto e reconto os minutos e sempre faltam alguns.

não me reconheço.
há algo errado em mim. ou certo. finalmente certo.

Um comentário:

Ronaldo Lourenço disse...

O apaixonar-se é um fenômeno interessante...